segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Se a moda pega...

Seguindo a onda de referências as grandes guerras, um partido que deve amputar a mão esquerda de seus membros está pagando para que famílias italianas batizem seus filhos com os nomes (supostamente escolhidos de forma aleatória) Rachel e Benito. Para obterem o auxílio, um dos pais deve ser italiano...

Em terra deBerlusconi ninguém se assusta com isso.

Numa visão bem maniqueísta, vai o Chávez dar dinheiro pra quem batizar o filho de Fidel , ou Che.

Numavisão bem nacionalista... Já pensou o que a oposição ia falar se o governo resolve fazer uma bolsa-cartório? Coisa da ordem de R$ 50,00 pra cada rebento com batizado como Inácio, ou Dilma...   

2 comentários:

roney disse...

Bom, eu batizaria meu filho de Inácio, só escolheria outro molusco: Luis Inácio Polvo Rodrigues, talvez.
Pior se essa onda pega por toda a Europa: Na Alemanha, muitos Adolfos; em Portugal, muitos Salazares; na Espanha, muitos Francos; na Rússia, muitos Stalins etc hauahhauah
Curti muito o texto velho!!
Abraço!

Gabriel Salgado - Musta disse...

HUHAUAHUAHAUHA mais uma sensacional!!!

O que é isso?!?!?!? uhauah

Imaginem chamando meu vilho pra comer:
"Garrastazuzinhoooooo vem se não esfria!!! Garrastazuzinhoo!!!" hauahua

Muito legal o Post Jota! Por essas e outras que vc salva meu semestre hahaha

Parabéns meu velho!